Com o fim do ano, os empreendedores começam a traçar planos para o futuro no intuito de aumentar as vendas e, consequentemente, a lucratividade. Se o seu negócio apresentou bons resultados, isso quer dizer que está na hora de investir para continuar crescendo no próximo ano.

Por outro lado, se a situação financeira representa um obstáculo, este conteúdo vai ajudar a identificar possíveis causas e corrigir os problemas existentes. Portanto, continue com a leitura deste artigo e confira 4 dicas para aumentar as vendas!

1. Pratique preços competitivos

O consumidor tem o objetivo de adquirir produtos de qualidade para as suas necessidades e deseja sentir confiança nas suas escolhas. Mas, acima de tudo, o cliente deseja preços competitivos que reflitam o valor das mercadorias.

Por isso, a primeira dica é a revisão da política de preços, porém com uma visão estratégica. O objetivo aqui não é reduzir preços sem critério, afinal, essa prática gera prejuízos. A ideia é avaliar a margem de lucro por produto e buscar oportunidades de reduzir os custos. Desse modo, a empresa pode oferecer descontos sem correr o risco de diminuir a sua lucratividade.

2. Avalie o comportamento do consumidor

Manter um volume de vendas constante é um dos principais desafios da gestão de um negócio. Isso ocorre porque o comportamento e os interesses do mercado consumidor mudam frequentemente.

A sobrevivência de uma empresa depende da sua habilidade de identificar novos padrões e realizar as adaptações necessárias. Esse tipo de estratégia busca atuar para oferecer soluções compatíveis com os interesses do público-alvo.

Muitas vezes, essa mudança inclui a disponibilização de novos produtos que podem atrair a atenção de forma positiva. Mesmo que essa atitude apresente algum risco, é fundamental uma vez que pode resultar em um acréscimo do volume de vendas por meio da diversificação das opções de compra.

3. Encante o cliente com o atendimento

O sucesso das vendas nem sempre é resultado do volume de produtos vendidos. Conquistar a fidelidade dos clientes tem relação com o atendimento prestado e a construção de um relacionamento sólido.

Isso quer dizer que a premissa de trabalho para toda equipe deve ser a entrega da melhor experiência possível para o comprador. Naturalmente, o conceito de uma experiência satisfatória pode variar, mas as bases dessa relação são bem estabelecidas e estão em vigor até hoje.

Isso acontece porque o consumidor é a figura que está no comando e tem maior poder de barganha. Se os seus produtos não oferecem a qualidade esperada, o cliente pode buscar o seu concorrente.

4. Aumente o ticket médio

No varejo, o ticket médio é um indicador que representa o valor, em média, que cada cliente gasta no estabelecimento. Por isso, quanto maior for o seu ticket médio, melhores serão os resultados.

Em supermercados, por exemplo, os valores das compras podem variar significativamente, o que contribui para a oscilação do valor. Assim, caso a sua estratégia seja aumentar o valor médio de cada compra, recomenda-se utilizar uma metodologia chamada cross-selling.

O seu funcionamento é baseado na oferta de um produto complementar àquele escolhido em primeiro lugar pelo cliente. Para beneficiar o cliente, é importante pensar em produtos que combinem entre si e que ofereçam vantagens para a realização da compra em conjunto. Na prática, esses produtos podem ser posicionados próximos aos caixas ou, ainda, nas mesmas prateleiras para melhorar a visibilidade.

Com as dicas apresentadas aqui, o objetivo de aumentar as vendas pode ser alcançado sem a necessidade de maiores mudanças. Ao fazer uma reavaliação dos preços, atentar a eventuais mudanças nos padrões de compra, aprimorar o atendimento e adotar técnicas como o cross-selling, você poderá começar o ano 2019 com pé direito e ter mais crescimento no seu negócio.

Aproveitando o tema sobre aumentar as vendas, separamos um artigo que lista 4 dicas incríveis de como fidelizar clientes em ponto de venda.